Rua: São Francisco Xavier, 75 - Tijuca - Rio de Janeiro, RJ
21 2234-2094 ou 21 2234-2095 / paroquiasfxavier@yahoo.com.br

O rigor da fé dos jesuítas

simbolo-jesuitas-ihsEssencial para os jesuítas era o voto de pobreza e castidade. No Brasil colônia demonstravam uma disposição férrea pelo trabalho e rígida disciplina, tendo como meta instruir os colonos, apenados e degredados nos rigores da contra reforma. Dedicavam com afinco aos exercícios espirituais comendo e dormindo muito pouco. Viviam de esmolas e comiam nas casas de quem oferecesse guarida, fossem eles colonos ou autoridades da colônia; consumiam o disponível, geralmente, nas cozinhas junto com os empregados e escravos. Davam-se bem com o prato nas mãos ou sobre a toalha na mesa.

Assim como Francisco Xavier no Oriente, faziam o jejum e penitencias para em seguida praticar a mortificação com suas disciplinas (chicotes), açoitando-se afim de se auto disciplinarem na conversão dos gentios presos em seus pecados. Eram homens de lágrimas fáceis e excelentes educadores. Devemos muito aos jesuítas pelo que realizaram na educação desde a época do Brasil colônia. O Brasil, naquela época, não tinha ainda a importância econômica das Índias com suas especiarias, mas se revelou depois o principal sustentáculo econômico do reino e o maior país católico das Américas graças ao trabalho pioneiro dos inacianos.

Colaboração: Ubirajara de Carvalho (Ministro Extraordinário da Sagrada Comunhão e Membro do Apostolado da Oração).

Print This Post