Rua: São Francisco Xavier, 75 - Tijuca - Rio de Janeiro, RJ
21 2234-2094 ou 21 2234-2095 / paroquiasfxavier@yahoo.com.br

Deus capacita os escolhidos e avisa por acontecimentos

Não sejamos incautos e vamos observar o que nos mostra o passado. Durante o reinado de Justiniano (527-565) quando a peste bubônica varreu a Europa, o rei ainda tentava reunificar o Império Romano dividido entre o Ocidente e o Oriente; as disputas prosseguiam com Roma e Constantinopla ditando ordens.

O seu sonho de reunificação iria ruir em razão de sua ambição. Acossado pelos Bárbaros, Roma caiu e Justiniano mobilizou suas tropas para tentar restaurar as fronteiras, mas foi derrotado pela peste bubônica que chegava com os ratos no porão dos navios do Império. Cometeu o erro já conhecido, ou seja, retardou a desmobilização da tropa que acabou alastrando a peste por toda a Europa a partir de Constantinopla matando 2/3 da população.

Quando decidiu colocar a cidade em quarentena já era tarde e metade da população sucumbiu.  Nova endemia apareceu no século XVIII com o aparecimento da varíola na Rússia que devastou 400 mil pessoas.  A imperatriz Catarina II, possuída da fé cristã, corajosamente, convocou o médico britânico Thomas Dimsdale a lhe aplicar um experimento novo chamada inoculação. Após 16 dias, já recuperada, com a ação branda da doença, fez publicar seu gesto de coragem.  Foram inoculados 2,5 milhões de russos e entrou para a história como Catarina a Grande.  Todos nós temos muito que aprender com o passado.

Colaboração: Ubirajara de Carvalho (Membro do Apostolado da Oração)

Print This Post